Cabocla foi uma das novelas escolhida para substituir “Porto dos Milagres” na faixa das 15h30 de reprises de novelas do Viva. Aqui você vai saber os 5 motivos porque o remake de 2004 e um grande sucesso da Rede Globo e porque vale a pena assistir novamente.

Em 10 de maio de 2004 estreava o remake de Cabocla; escrito por Edmara Barbosa e Edilene Barbosa, com supervisão de Benedito Ruy Barbosa.A trama é ambientada no município rural de Vila da Mata, em 1918. A trama gira em torno da disputa por terras entre dois coronéis – Boanerges (Tony Ramos) e Justino (Mauro Mendonça) – e do amor entre a cabocla Zuca (Vanessa Giácomo) e o jovem advogado Luís Jerônimo (Daniel de Oliveira).

  1. A atriz Vanessa Giácomo fez o seu primeiro papel na TV. Conseguiu mostrar bem a personalidade da personagem: a menina do interior forte, meiga, corajosa, capaz de tudo para viver um grande e bonito amor. Uma bela interpretação para uma novata.
  2. O casal Neco e Belinha, interpretado por Danton Mello e Regiane Alves, num romance que muitas vezes se destacou mais que os protagonistas Zuca e Tobias. Regiane conquistou o público com sua doce personagem, mostrando grande versatilidade.
  3. Os coronéis Bonerges e Justino, interpretados por Tony Ramos e Mauro Mendonça respectivamente, são uma dupla a parte. As disputas por terras e para acabar com o romance dos filhos (Belinha – Bonerges – e Neco – Justino) chega a ser engraçada em alguns momentos.
  4. E como toda história de época, sempre há o núcleo que diverte os telespectadores. A história de Dona Ritinha e seus três pretendentes é uma delas. Ritinha (Aisha Jambo) é a mucama de estimação da família do coronel Bonerges. É também a confidente de Belinha, sua grande amiga. Sua beleza provoca acirrada disputa entre Nastácio, Zaqueu e Chico da Venda, todos apaixonados por ela. Matreira, Ritinha joga com os três. Se querem diversão, este quarteto com certeza vai dar!
  5. Com clima bucólico, um dos grandes trunfos do remake, baseado numa minuciosa pesquisa histórica , Cabocla recriou e apresentou o ambiente rural brasileiro do início do século XX com maestria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.