Beltrano lança álbum com músicas sobre saúde mental e superação

Publicidade

Seu primeiro single, Feliz Assim, foi lançado em 2017 de forma independente e teve o seu clipe oficial filmado na Parada da Diversidade de Curitiba, retratando o evento e celebrando a identidade LGBTQIA+, sendo destaque em jornais e portais de notícias de grande alcance e atingindo o Top 100 no iTunes Brasil. Em 2019 lança seu primeiro remix oficial, Pra Causar (Beltrano Remix), música do projeto Candybloco.

Em 2020 retoma os lançamentos autorais com o single Casulo, um retrato de seus sentimentos durante o isolamento social na pandemia, sendo elogiado por editores de veículos como Rolling Stone Brasil, G1, Caderno Pop e INDIE POP e entrando em playlists de destaque como Indicações e Descobertas do fórum Pandlr, Weekly Discover do site Escutai e a Playlist da Semana do portal Ninguém Pediu!.

Agora, o artista faz o seu primeiro lançamento em um formato completo: o álbum AgriDoce, com dez faixas, incluindo cinco já lançadas anteriormente. Todas as músicas são autorais e produzidas por ele mesmo, com exceção da nova música de trabalho, Novo Eu, criada com seu parceiro de longa data Marcone Rodrigues.

Um tema recorrente neste trabalho é a superação. Grande parte das faixas, como Novo Eu, fundo do poço, Fantoche e Alumínio falam de situações em que o artista decide dar a volta por cima, sendo honesto sobre os seus sentimentos e se valorizando para afastar tudo aquilo que faz mal para a sua saúde mental. Beltrano teve a Síndrome de Burnout durante a pandemia e decidiu se afastar do trabalho formal para se dedicar a sua arte e realizar o sonho de gravar o seu primeiro álbum, retratando essa e outras situações difíceis pelas quais passou em suas composições.

Ouça o álbum:

Uma característica das letras do compilado é falar de temas sérios e complicados por cima de batidas fortes e instrumentos animados, usando esse contraste para transmitir o conceito que dá nome ao trabalho. O projeto começou a ser desenvolvido em 2016, quando o produtor decidiu mudar o nome artístico e compor na sua língua nativa, mas somente após cinco anos o conceito foi definido e o trabalho começou a ver a luz do dia.

As inspirações para AgriDoce são diversas, passando pelo hip-hop em Novo Eu, hyperpop e pop dos anos 2000 na faixa título, dance music dos anos 90 em Sorte, música oitentista e synthpop em Enigma e reggae eletrônico no primeiro single Feliz Assim, lançado em 2017. “Quis incluir tudo o que gosto de ouvir para me inspirar. Todas essas sonoridades formaram a minha personalidade, que é múltipla e não pode ser definida em um só estilo, então o álbum não tinha como ser diferente. Além disso, a música pop abrange diversos estilos, o que a torna o meu gênero musical favorito por sempre se reinventar”, conta Beltrano.

Juntamente do álbum foi lançado um vídeo visualizer para a nova faixa de trabalho, Novo Eu, produzido pelo próprio artista, que aparece interpretando a canção para a câmera com diferentes visuais.

Já disponível em todas as plataformas digitais, AgriDoce inclui os singles já divulgados Feliz Assim, Casulo, L O N G E, Fantoche e a faixa de mesmo nome, que foi adicionada à playlist Fresh Finds do Spotify, cujo intuito é apresentar novos lançamentos de artistas independentes. Todas essas faixas também possuem videoclipes, disponíveis no YouTube do artista. O trabalho também pode ser adquirido numa edição exclusiva na plataforma BandCamp, com 5 faixas extras (versões alternativas das músicas do disco), por U$$5 (cerca de R$25).

SIGA O ATITUDE E VISÃO NAS REDES SOCIAIS

Notícias Relacionados

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja Também

Instagram

Você não pode copiar o conteúdo desta página