Gostou? Compartilhe

A modelo conta melhor o que sente pela data direcionada as mulheres.

Carol Tozaki que começou a sua carreira como bailarina do Faustão, hoje se consolida como modelo contratada por grandes marcas da Inglaterra e deu detalhes para nós sobre o que pensa do Dia Internacional da Mulher.

Ela começa nos contando um pouco sobre como a data acabou se transformando em algo voltado para o mercado e que as pessoas esquecem o real significado e importância dela.

“A data foi um momento muito importante que nós mulheres com tanto sacrifício conquistamos, desde que ela surgiu fez com que as pessoas pudesses olhar mais para os nossos direitos, mas que por outro lado, não devemos ser lembradas e respeitadas somente nesta data, e sim na nossa rotina.

Nós não queremos flores e mensagens, queremos respeito.

Apesar de muita coisas ter mudado, ainda existe muito machismo enraizado e desrespeito, já conquistamos muitas coisas, mas continuamos na luta e com fé de que isso um dia mude”

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.