Christina Aguilera, sem maquiagem, diz em revista que ela quer explorar a “beleza mais crua, até mesmo musicalmente”

Publicidade

Enquanto seus fãs morde suas unhas à espera de seu novo álbum, nada menos que o primeiro em 6 anos, Christina Aguilera aparece na capa da revista Paper sem maquiagem (o texto fala várias vezes de maquiagem).

O motivo é uma entrevista em que não há nenhuma informação sobre seu novo álbum, mas ela tenta mergulhar em seu perfil, lembrando seus diferentes estágios e os gêneros que ela explorou, seus filmes, os momentos em que ela teve que suportar a reação negativa da rede ou da comunidade LGBTQ. “Estas são as pessoas com as quais eu cresci, muito brilhantes, com muito talento e força. Sua voz merece ser ouvida “.

Talvez a declaração mais interessante que eu possa deixar sobre sua nova etapa “Eu sempre fui alguém que gosta de experimentar, teatralmente, alguém que gosta de criar uma história e fazer um personagem em um vídeo ou no palco. Eu sou uma “performer” por natureza. Mas estou em um lugar, mesmo musicalmente, em que é libertador poder me despir para apreciar quem eu sou e a beleza mais crua. ” Talvez seja por isso que o seu disco poderia ser chamado de ‘Liberation’ ?

Podemos esperar um disco mais acústico, na esteira do que foi feito por Miley Cyrus e Lady Gaga?

SIGA O ATITUDE E VISÃO NAS REDES SOCIAIS

Notícias Relacionados

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja Também

Instagram

Você não pode copiar o conteúdo desta página