Conheça a história de Jezabel, segundo a Bíblia, a nova superprodução da Record

Jezabel, a nova superprodução da Record TV, retrata a vida de uma das mulheres mais poderosas da história, a “macrossérie”,deve substituir a novela Jesus que ainda está no ar mas chegando aos últimos capítulos.

Jezabel centra-se no embate entre a perversa rainha pagã que dá nome ao título, papel de Lidi Lisboa, e o profeta hebreu Elias (Iano Salomão). O elenco da obra conta ainda com nomes como André Bankoff, Flávio Galvão, Felipe Cardoso, Cristiana Oliveira, Sidney Sampaio, Rayanne Morais, Isabel Fillardis e Denise Del Vecchio.

Conheça um resumo da história da pagã conforme a Bíblia.

Jezabel foi a esposa do rei Acabe, rei de Israel. Ela foi uma rainha muito ruim, que promoveu a idolatria e matou muitos profetas. Jezabel foi condenada por Elias e outros profetas.

Jezabel era uma princesa, filha de Etbaal, rei dos sidônios. Ela convenceu seu marido Acabe a adorar o deus Baal e foi responsável por promover o culto de deuses pagãos em Israel (1 Reis 21:25-26). Jezabel sustentava 850 profetas dos deuses Baal e Aserá. Esses profetas faziam rituais detestáveis, provocando a ira de Deus (1 Reis 18:18-19).

Jezabel também tentou destruir quem era fiel a Deus. Ela mandou matar todos os profetas de Deus e poucos sobreviveram (1 Reis 18:4). Os profetas de Deus condenaram Jezabel por sua maldade e idolatria.

Jezabel não tinha escrúpulos. Quando um homem chamado Nabote se recusou a vender sua vinha a Acabe, o rei ficou amuado na cama. Então Jezabel tomou a iniciativa e conspirou para matar Nabote. Ela mandou acusar Nabote falsamente de amaldiçoar a Deus e ao rei e ele foi apedrejado. Depois da morte de Nabote, Acabe tomou sua vinha (1 Reis 21:15-16).

A morte de Jezabel

Elias profetizou contra Jezabel, por causa do que fez com Nabote. Ele avisou que Jezabel teria uma morte sangrenta e que os cachorros iriam comer seu cadáver (1 Reis 21:23).

Depois da morte de Acabe, um homem chamado Jeú se rebelou e matou o rei Jorão, filho de Jezabel. Quando Jeú chegou ao palácio, Jezabel o desafiou. Por ordem de Jeú, alguns oficiais pegaram em Jezabel e a atiraram da janela e Jeú a atropelou com seus cavalos (2 Reis 9:30-33).

Jeú entrou no palácio e comeu, depois deu ordem para sepultar Jezabel. Mas quando foram sepultá-la, só encontraram seu crânio, seus pés e suas mãos (2 Reis 9:34-35). Os cachorros tinham comido tudo o resto. A profecia de Elias foi cumprida.

Jezabel morreu por ser cruel e idólatra. Ela tinha muita iniciativa mas usou seus talentos de forma errada. Jezabel não se preocupava com o que é certo e errado. Ela manipulou e matou para conseguir o que queria. Era egoísta e não temia a Deus.

Jezabel no Novo Testamento

Segundo o site Respostas Bíblicas, Jezabel se tornou símbolo de crueldade, egoísmo e manipulação. Apocalipse 2:20-23 condena uma mulher chamada Jezabel, que dizia ser profetisa e que promovia a idolatria e a imoralidade sexual. Jezabel provavelmente não era o nome verdadeiro dela mas ela tinha as características de Jezabel.
Quando as pessoas falam de “espírito de Jezabel”, significa alguém que manipula para conseguir o que quer.

Se gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e curta “Atitude E Visão” nas redes sociais

Você Também Pode Gostar:

LEIA TAMBÉM:  Sóstenes esconde de Luz que ela é filha de Ondina em, 'O Sétimo Guardião'

COMENTAR:

Notícias Relacionadas

LEIA TAMBÉM:  Resumos da novela Topíssima de 21 a 24 de maio