Entrevista: Matheus Andriani “dividir experiências marcantes, isso não tem preço”

Matheus Andriani

Nesse bate papo Matheus Andriani conta os desafios de ser um influenciador, e como lida no dia-a-dia com os prós e os contras:

Mateus queríamos uma breve apresentação sua para nossos leitores? Conte nos sua idade ou seja sobre você?

Matheus Andriani: Hey, me chamo Matheus Andriani Pereira (conhecido apenas como Matheus Andriani, o que considero nome artístico), recentemente completei 14 anos, resido em São Paulo (Capital), num bairro da Zona Leste. Atualmente sou Digital Influencer, e venho buscando espaço na mídia pelo que faço.

Em que altura da sua vida criou a sua conta no Instagram? Com que objetivo?

Matheus Andriani: Criei minha primeira conta no Instagram em 2013, inclusive é a que uso hoje, eu tinha aproximadamente 9 anos, e meu intuito era compartilhar com as pessoas meu dia a dia. Inclusive, criei uma conta no Twitter também, que infelizmente não tenho mais.

Ser influenciador digital tem os seus pontos bons e maus. Quais as vantagens e as desvantagens que este mundo digital lhe proporciona?

Matheus Andriani: Ser Digital Influencer para mim é ótimo. Poder compartilhar com o público seus momentos especiais, dividir experiências marcantes, isso não tem preço. É demasiadamente gratificante. Porém, ao mesmo tempo você precisa saber lidar com tudo o que vier, independente do que seja. É inevitável que você não receba críticas, ofensas, ou até mesmo seja pressionado a ter um posicionamento que às vezes pode não ser do seu agrado. Cabe a você tomar decisões difíceis, e saber lidar com tudo.

Quais dicas para ser um influenciador digital de sucesso?

Matheus Andriani: Eu recomendo ter personalidade própria, foco, determinação, e muita disposição. É essencial ter pessoas para se inspirar, mas procure sempre dar um toque final com “o seu jeitinho” para dar uma diferenciada. Seu engajamento não irá crescer “da noite para o dia”, ou seja, busque gerar conteúdo em primeiro lugar, o que vier depois é consequência.

Como os influenciadores são conscientizados sobre como cuidar da reputação e imagem pessoal?

Matheus Andriani: Eu, particularmente, procuro sempre tomar muito cuidado com o que digo, e faço. E recomendo isso a todos, também. Pois, uma simples frase pode gerar proporções muito maiores, e assim fazendo com que as pessoas te enxerguem diferente (de uma maneira negativa).

Como você se vê nesse momento e daqui há cinco anos, considerando a volatilidade das redes?

Matheus Andriani

Matheus Andriani: Hoje, me vejo muito feliz e realizado com tudo o que conquistei. Daqui a 5 anos não me vejo diferente. Pelo contrário, me enxergo muito melhor, creio em alcançar objetivos que já almejo a um tempo, e estar em lugares que inacreditavelmente para muitos eu nunca estaria, até mesmo em um palco, talvez.

Que dica você daria para marcas que querem iniciar o relacionamento com influenciadores, mas não têm verba para investir em ações?

Matheus Andriani: Procure influenciadores iniciantes. Pessoas que estão começando nesse “mundo” recentemente. Não irá precisar de algo grandioso, ou de muito valor. Ambos (marca e influenciador), poderiam entrar em um acordo, fazendo assim gerar crescimento para os dois.

As marcas escolhem as suas parcerias pela qualidade do conteúdo ou pelo número de seguidores?

Matheus Andriani: Acredito que ambos entram em pauta. Porém, existem outros “pontos” que eles analisam. Por exemplo, a comunicação do anunciante para com o público, isso é muito importante, principalmente quando se vai fazer um anúncio publicitário. Tem toda uma análise antes de fechar parceria, por isso geralmente é pedido o envio de um “Mídia Kit”, ou a Loja/Marca propõe um teste, disponibilizando um cupom de desconto para o Influencer.

O número de influenciadores digitais tem aumentado cada vez mais. Como é que vê a concorrência?

Matheus Andriani: Eu não diria “concorrência”, mas mesmo assim o essencial é ter algo que chame a atenção do público, que entrelace as pessoas com você. Faça o possível para se destacar, mas sempre na espontaneidade.

Na sua opinião, que características devem ter os influenciadores digitais?

Matheus Andriani: Não existe um padrão específico para ser Digital Influencer, basta ser você mesmo, usar a criatividade para se locomover, gerar conteúdo (com qualidade). Você vai precisar de inspirações, antes de iniciar procure blogueiros (a) que se encaixem com sua personalidade. Use-os como base, entretanto nunca faça nada exatamente idêntico. As pessoas buscam diversidade, procuram algo diferente, não estão interessadas em cópias. Carisma, você vai precisar muito, principalmente quando quiser se comunicar com seus seguidores. O mais importante é gostar do que faz, fazer com excelência, e deixar fluir. Por mais que venham obstáculos, sua função é ultrapassa-los!

Se gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e curta “Atitude E Visão” nas redes sociais.

Continue acessando!!

Comenta aí…

COMPARTILHE

Tem uma notícia? Quer divulgar seu trabalho ou a sua história? Envie Para Nosso E-MAIL

COMENTAR:

Veja Também:

Deixe sua opinião abaixo! Super Beijo!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Facebook
Scroll Up
error: Anti Cópia
%d blogueiros gostam disto: