Já está disponível em todas as plataformas digitais o novo single da Banda Mato Seco em parceria com João Suplicy

0
Gostou? Compartilhe

Em parceria com o cantor João Suplicy, a banda Mato Seco lançou hoje (24), o single ‘Filhos da Quarentena’, disponível no YouTube e em todas as plataformas de streaming. A música fala sobre a perspectiva de futuro das pessoas pós pandemia do Covid 19.

Filhos da quarentena retrata o momento difícil que estamos passando e faz algumas indagações sobre o comportamento do ser humano durante essa pandemia. A mensagem da música é clara, e pede que as pessoas deixem de lado a ganância e o ego, para que possam dar valor às coisas simples da vida, que são as que realmente importam.

A canção foi gravada em duas etapas, uma parte o Mato gravou em seu estúdio em São C. do Sul, no ABC Paulista, e João Suplicy gravou em casa com seu celular, respeitando todas as medidas de isolamento social.

“A música fala da esperança de que essa tragédia toda que é a pandemia possa nos trazer algo de bom. Que possamos tirar disso tudo algum aprendizado, alguma conscientização dos caminhos que estamos percorrendo e quem sabe repensarmos algumas prioridades e questionarmos valores.” João Suplicy

“Mais uma vez o Mato Seco mostra um som único, com letra atual e flow impecável, a mix merece uma atenção especial, deixou o som num nível faixa preta”Luka Salomão, Locutora da rádio 89 FM

“E uma vez mais, a música surge como uma mão amiga nos resgatando em meio ao caos, nos trazendo a reflexão de quem somos no aqui e agora, e nos esperançando no horizonte de um amanhã melhor quando essa turbulência passar. Turbulência, que não por menos, praticamente nos forçou a compor e gravar “Filhos da quarentena “ todos separadamente, e João fazer a gravação (em quarentena) em seu celular inclusive. A primeira vez em nossa história de quase duas décadas, que fazemos nosso trabalhos assim. Do sufoco e da quase sensação de estarmos nos afogando na realidade atual, a música é, não só a mão amiga nos resgatando, mas o ar que nos desperta buscar uma manhã mais bonita que há de nascer, e uma flor mais colorida  que há de aflorar… Mas que não nos falte coragem para crescer, muito menos coragem pra mudar.” Rodrigo Piccolo 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.