RECONHECIMENTO: Projeto Olhares da Rua ganha o mundo

A iniciativa realizada este ano numa comunidade carente de Aparecida de Goiânia e patrocinada por incorporadora goiana foi selecionada para ser apresentada em Bruxelas, na Bélgica, durante realização de um dos mais importantes fóruns de desenvolvimento sustentável do mundo

Foto/Pedro Henrique

Desenvolvido em fevereiro deste ano junto à comunidade Terra do Sol, em Aparecida de Goiânia, região metropolitana de Goiânia, o Projeto Eyes of the Street (Olhares da Rua) foi selecionado para participar do EDD19 (European Development Days), fórum internacional sobre desenvolvimento que será realizado em Bruxelas, na Bélgica, nos dias 18 e 19 de junho de 2019. A iniciativa, que nasceu em Londres, das mãos de uma goiana, a antropóloga e empreendedora social Giselle Barboza, e do jornalista e professor de fotografia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Daniel Meirinho, chegou à capital goiana graças a uma parceria entre a Abissal Capitalismo Saudável e a incorporadora SIM Engenharia.

“Organizado pela Comissão Europeia, o EDD reúne pessoas de todas as idades para partilhar ideias e experiências de forma a inspirar novas parcerias e soluções inovadoras para os desafios urgentes do mundo”, explica uma das fundadores da Abissal, Camila Storti. Segundo ela, o EDD é o principal fórum de desenvolvimento social da Europa, recebe representantes de mais de 150 países, 42 mil pessoas participam do evento, sendo 4,5 mil organizações sociais e ONGs, 2.670 palestrantes e mais de 100 líderes mundiais.

LEIA TAMBÉM:  Educar para a Cibercultura acontece dia 17, no RJ

“Temos muito orgulho de fazer parte da edição deste ano porque o tema do evento ‘Abordando desigualdades para a construção de um mundo onde ninguém é deixado para trás’ é exatamente no que acreditamos”, afirma Giselle fundadora do projeto que deu “olhos” e “voz” a treze crianças que vivem na carente comunidade Terra do Sol e tiveram a oportunidade de registrar e mostrar, por meio da arte da fotografia, o seu olhar sobre o ambiente a sua volta, revelando um cotidiano de muitas privações, mas ao mesmo tempo de muita esperança e beleza.

LEIA TAMBÉM:  Tânia Gori ministrará palestra sobre a magia das ervas e poções para prosperidade e amor

Olhar único

As crianças participaram de palestras e oficinas de fotografia, recebendo máquinas modernas para registrar como quisessem a realidade onde vivem. O trabalho de uma semana resultou numa exposição “Ressignificar para Existir”, com fotografias cheias de afeto, que identificam as problemáticas e os pontos positivos dessas crianças sobre sua comunidade.

LEIA TAMBÉM:  Aluno de medicina se destaca no exterior como produtor de eventos na Tríplice Fronteira
Foto/Pedro Henrique

Para o diretor da SIM Engenharia, Paulo Silas, patrocinadora oficial do projeto em Aparecida de Goiânia, a seleção do Eyes of the Street para participação no EDD19, em Bruxelas, é o nítico reconhecimento da seriedade do projeto e o quanto de fato ele pode impactar positivamente na vida das pessoas. “Desde que decidimos apoiar o projeto para trazê-lo para Aparecida, nosso propósito foi destacar o quanto a ação pode trazer impactos positivos e fazer a diferença para o mundo. Agora ele ganha ainda mais força, participando desse evento e nos dá, é claro, muito orgulho em ter ajudado a desenvolvê-lo aqui em Goiás”, afirma Paulo, que promete prestigiar o evento na Bélgica.

Se gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e curta “Atitude E Visão” nas redes sociais

COMENTAR: