Maite Perroni começou sua carreira em 2004, interpretando a estudante Lupita Fernandes na novela Rebelde, um grande sucesso no Brasil. A partir daí, estrelou diversas novelas na Televisa, sempre com o perfil de mocinha sofrida e derretendo os corações dos telespectadores em cenas românticas.

Continua após as recomendações

Ela é uma das atrizes preferidas dos fãs das “Novelas da Tarde” do SBT, aparecendo por aqui como Malu em “Cuidado com o Anjo”, Lucrécia em “Meu Pecado” e Esmeralda em “A Gata”. Agora, Maite dá um salto em sua carreira: ela é a protagonista da nova série da Netflix, Desejo Sombrio, onde interpreta uma mulher completamente diferente de todas aquelas que estávamos acostumados a ver.

Perroni dá vida a Alma, uma professora universitária de 40 anos que desconfia estar sendo traída por seu marido. Como forma de colocar a cabeça no lugar, ela decide passar um final de semana com sua melhor amiga. Neste momento, conhece Dário, um jovem 15 anos mais novo que ela, com quem se envolve. Os dois passam a viver uma relação quente e perigosa, o que rendeu muitas cenas de sexo para a ex-RBD.

“É a minha personagem mais adulta. Pois além de expor sua sexualidade, Alma é uma pessoa que tem estrutura, pensamentos e um discurso que fala dos direitos da mulher. Mas ela termina pagando por suas próprias palavras quando se deixa levar pelo instinto sexual. Seu maior pecado é a incongruência de suas ações que acabam gerando situações tão complexas”, contou Maite em entrevista à revista Quién.

Leia Também:

Desejo Sombrio já está disponível no catálogo da Netflix.

DEIXE SEU COMENTÁRIO