Foto - (Reprodução)

Apenas duas semanas após a estréia de “Framing Britney Spears”, (The New York Times Presents: Framing Britney Spears é um documentário televisivo de 2021) o documentário da plataforma do Hulu sobre os momentos da estrela pop que culminou no movimento #FreeBritney, a Netflix está trabalhando em um documentário da cantora dirigido por Erin Lee. Carr.

Continua após as recomendações

Embora o título da produção ainda não seja conhecido, Erin Lee Carr já dirigiu documentários como “At the Heart of Gold: Inside the USA Gymnastics Scandal” sobre o escândalo de abuso sexual que abalou o mundo dos esportes em 2017 ou “Eu Te Amo, Agora Morra” sobre o caso de uma adolescente que encorajou o namorado a cometer suicídio nos Estados Unidos, informou a agência de notícias DPA

“Framing Britney Spears”, da Hulu, documenta o tratamento misógino que a pop star recebeu da mídia ao longo de sua carreira e questiona a validade de sua remoção da tutela, o que dá a seu pai o controle legal sobre a maioria dos aspectos de sua vida, incluindo suas finanças.

Como resultado dessa decisão judicial, emitida em 2008, seus fãs começaram uma campanha para devolver o controle de Spears sobre sua vida, compartilhando mensagens por meio da hashtag #FreeBritney.

Nesse caso, nem a cantora e nem sua família concordaram em participar do documentário dirigido por Samantha Stark. A batalha legal de Spears para recuperar sua tutela continua e espera-se que um novo documentário aumente ainda mais a pressão social, bem como abra o debate sobre o tratamento que a mídia oferece a mulheres e celebridades com problemas de saúde mental.

Se inscrever
Notificar de
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments