Bemti estreia seu novo single “Quando o Sol Sumir”, com participação de Fernanda Takai

Publicidade

O mineiro Bemti lança, dia 23, o single “Quando o Sol Sumir”, com participação de Fernanda Takai. A faixa faz parte do segundo disco do artista, intitulado “Logo Ali”, realizado através do edital Natura Musical e que será lançado dia 29 de setembro, às 21h em todas as plataformas digitais.

“Quando o Sol Sumir” é uma composição de Bemti em parceria com a também mineira Roberta Campos (uma das artistas de MPB mais tocadas dos últimos anos) e conta com a presença de Helio Flanders (Vanguart) no trompete. A letra é um romance com contornos apocalípticos que brinca com a dualidade do “sol sumir” ser um simples pôr do sol ou um evento cataclísmico. O arranjo começa com um jogo delicado entre o piano de cauda e a viola caipira de 10 cordas tocada por Bemti, até crescer para um som grandioso inspirado por artistas como Bon Iver, Baleia, Mew e Sigur Rós.

Sobre o convite, Fernanda Takai conta: “Há cinco anos recebi o Bemti no palco para realizar o desejo dele de tocar viola caipira comigo. Foi uma brincadeira de “gênia da lâmpada” num dos últimos shows da turnê “Na Medida do Impossível” (no Teatro Porto Seguro em São Paulo), e ele teve que disputar com um monte de outros pedidos originais. Agora ele me recebe em seu segundo álbum num apaixonado dueto de fim de mundo. Gosto desses temas quase fofos com um pé no trágico. Provavelmente eu que fui a vencedora desta vez, pois entre tantas vozes nesse Brasil, ele me escolheu. Muito obrigada, Bemti!”, completa.

Além de Fernanda Takai, o disco conta com participações especiais de JalooJosyara, do artista português Murais e do duo ÀVUÀ. Já entre os musicistas convidados, além de Helio Flanders estão Paulo Santos (do grupo Uakti) e Marcelo Jeneci, que co-produziu, toca e canta vocais de suporte em uma das faixas. Nas composições, também há colaborações com artistas como Barro, Nina Oliveira e Pedro Altério (produtor musical do disco ao lado de Luis Calil). Até o momento, três singles do álbum já foram revelados: “Catastrópicos!” com participação de Jaloo; “Samba!” com participação do duo paulistano ÀVUÀ e “Se Entrega!”.

“Sou muito fã do Pato Fu desde criança, amo o trabalho solo da Fernanda Takai, então é uma honra gigante tê-la na música. Pra mim o Pato Fu sempre foi uma imensa referência de um som alternativo que dá pra ser feito no Brasil, e que pouca gente conseguiu fazer de um jeito tão popular, respeitado e bem sucedido” conta Bemti.

“A Fernanda teve um papel muito importante na minha tomada de coragem pra construir meu trabalho solo quando eu toquei viola caipira em um show dela em 2016! Quando eu e a Roberta Campos começamos a pensar em nomes pra convidar pra música, a Fernanda surgiu logo de cara e foi uma jornada muito linda desde eu tomar coragem pra fazer o convite até a música estar pronta. Só gratidão por essa troca! Deu toda a grandeza pra essa música que é sobre um amor tão imenso que continua existindo até depois do mundo acabar”, finaliza.

A direção musical do disco “Logo Ali” é do próprio Bemti, a mixagem é de Luis Calil e a masterização é de Florencia Saravia-Akamine. No arranjo de “Quando o Sol Sumir”, destacam-se também Bianca Predieri (Jadsa) na bateria, Kinda Assis (Teko Porã) na viola e arranjo de cordas, e Cauê Lemes no piano de cauda e na pré-produção da faixa.

Siga o Atitude E Visão nas redes sociais:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Post Relacionados

Útimas Noticias

Resumo Páginas da Vida: próximos capítulos no Canal VIVA

Exibida originalmente em 2006, Páginas da Vida, de Manoel Carlos estreia no Canal VIVA. A trama protagonizada por Regina Duarte conta com 203 capítulos....
Você não pode copiar o conteúdo desta página