quinta-feira , 23 maio 2024
Ínicio Destaque Turnê de 10 anos do espetáculo Doidas e Santas chega a Goiânia em três sessões
DestaqueNotícias

Turnê de 10 anos do espetáculo Doidas e Santas chega a Goiânia em três sessões

269

Doidas e Santas, a comédia que já conquistou mais de 500 mil pessoas pelo Brasil, voltou a rodar o País em turnê que comemora os 10 anos do espetáculo. Goiânia recebe a peça estrelada por Cissa GuimarãesGiuseppe Oristanio e Josie Antello em três sessões, nos dias 7, 8 e 9 de junho (sexta e sábado, às 21h, e domingo, às 17h), no Teatro Madre Esperança Garrido. Prevista originalmente para 2020, a turnê foi adiada devido à pandemia de Covid-19.

O projeto teatral é idealizado por Cissa, dirigido por Ernesto Piccolo, com texto de Regiana Antonini, que toma como base as crônicas publicadas por Martha Medeiros no livro Doidas e Santas, de 2008 e conta a história de Beatriz (Cissa Guimarães), uma psicanalista em crise no casamento. Ela compartilha, reflete, chora e ri em uma comédia inteligente e suave. Seu desabafo vai conquistando o público e Cissa domina a cena e surpreende a cada instante com uma personagem bem elaborada e amarrada.

Giuseppe Oristanio brilha como Orlando, o marido turrão e machista, que não tolera a ideia da separação e vive regado a futebol e cerveja. Sem recorrer a estereótipos, o ator torna o personagem crível e é possível ver a identificação de muitos casais na plateia. Ele vai se alterando até o fim da peça, mas sem perder a essência truculenta.

Veja também:

No coração do Brasil: Aparecida de Goiânia é hoje uma das maiores economias do Centro-oeste

Aussie, marca do grupo do Outback, abre mais uma operação em Goiânia

Terceiro show do Luau da Liberdade 2024 com Pádua e Xexéu arrecada doações para o Rio Grande do Sul

Completando o elenco, temos a tríade de personagens que simboliza “as mulheres da vida” de Beatriz (irmã, mãe e filha) vividas pela atriz Josie Antello. Ela, que tem um reconhecido trabalho de humor, fez um trabalho de construção diferente dos outros atores e busca mais referências em “tipos”. O talento da atriz provoca muitas gargalhadas com um simples olhar ou balançar de pés.

“No decorrer da montagem, o público experimenta alegrias, desilusões, anseios da vida urbana, o prazer cotidiano, as relações amorosas e o poder transformador da coragem e do afeto”, afirma o diretor Ernesto Piccolo, que trabalha conceitos como a quarta parede, por meio do qual a plateia é inserida no espetáculo, participa de cada um dos dilemas e sofre junto de Beatriz.

Com patrocínio Bradesco Seguros, por meio da Lei Rouanet e Ministério da Cultura, Doidas e Santas tem ingressos com valores sujeito à alteração sem aviso prévio, que variam de R$ 35, promocional com quantidade limitada, a R$ 140 (inteira), com opção de entrada solidária a R$ 100 mais um quilo de alimento não perecível. Vendas pelo site www.sympla.com.br, na Komiketo Sanduicheria da Avenida T-4, e na bilheteria do teatro somente nos dias das apresentações (7, 8 e 9 de junho). A turnê já esteve em Belo Horizonte e Brasília e depois de Goiânia segue por mais nove cidades: Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre, Niterói, Belém, Fortaleza, João Pessoa, Natal e Recife.

Humor e reflexão

Cissa sempre desejou levar à cena um trabalho que expressasse as inquietações da mulher moderna. Quando completou 50 anos decidiu dividir com o público os dilemas e as dificuldades para equilibrar a vida conjugal, maternidade, realização profissional e pressão estética.

O livro de Martha Medeiros é uma coletânea de crônicas independentes que serviu de base para Regiana Antonini construir uma trama bem-humorada com um toque de histórias pessoais da dramaturgia, traduzindo o desejo de Cissa. A trajetória dessa mulher moderna cria uma identificação imediata com o público. Por meio dela a plateia vira cúmplice e confidente dos anseios, desejos, dúvidas e amores de Beatriz.

Para corroborar com isso, o conceito de iluminação utiliza-se das cores como elemento marcante nas transições de emoção durante o espetáculo. O cenário de Sérgio Marimba ambienta uma casa na qual as mudanças de objetos cênicos que acontecem durante a peça refletem no arco dramático de cada personagem. O figurino, de Marília Carneiro e Helena Araújo, trabalha respeitando a cartela de cores de cada personagem e criando signos que representam as suas sensações e personalidades.

Doidas e Santas – Turnê 10 anos

Quando: 7 de junho, sexta, às 21h
8 de junho, sábado, às 21h
9 de junho, domingo, às 17h

Onde: Teatro Madre Esperança Garrido (Av. Contorno, n. 241, Centro)
Ingressos: R$ 35 (promocional, quantidade limitada); R$ 70 (meia-entrada); R$ 100 mais um quilo de alimento não perecível (solidário) e R$ 140 (inteira).

Vendas: www.sympla.com.br e Komiketo Sanduicheria (Av. T-4, n. 6000, St. Serrinha). Bilheteria do teatro somente nos dias das apresentações (7, 8 e 9 de junho)

Classificação: a partir de 12 anos

* Valores sujeitos à alteração sem prévio aviso.
* Meia-entrada: estudantes, idosos acima de 60 anos, professores da rede pública e funcionários públicos, mediante comprovantes.
* Não é permitido entrar com alimentos e bebidas no Teatro.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notícias Relacionadas

Clarinha vai à casa de Ângela para pedir que ela volte com Álvaro em Contigo Sim

Nos próximos capítulos da novela “Contigo Sim”, grandes reviravoltas e confrontos inesperados...

“Volta Por Cima”: Globo revela título oficial da próxima novela das 19h

A Globo finalmente oficializou o nome da próxima novela das 19h: “Volta...

Ângela confronta Samanta em “Contigo Sim”: as duas saem nos tapões 

A rivalidade entre Ângela e Samanta explode em um encontro cheio de...

Briga épica! Álvaro e Leonardo se enfrentam em “Contigo Sim”

A rivalidade entre Álvaro e Leonardo explode em uma briga épica nos...