Compartilhe

Nos próximos capítulos de Amores Verdadeiros (SBT), José Ângelo (Eduardo Yáñez) e Vitória (Érika Buenfil) irão para a fazenda para espairecer os últimos acontecimentos de suas vidas. Durante sua passagem na área verde, o guarda-costas irá  à igreja para orar e desabafar. Ele pedirá orientação e ajuda ao padre da região. Por que, já que ele ama sua esposa e sabe que é tudo “até que a morte nos separe”, ele está tendo sentimentos amorosos por Vitória. Ele não quer isso!

Continua após as recomendações

Enquanto o padre ouve, José Ângelo começa a descarregar todos os seus problemas. Demora um pouco para colocar tudo para fora. O primeiro ele diz que agora é um guarda-costas! Ele explica ao padre que sua patroa, Vitória, é uma mulher de bom coração e que ele não reclama. “As coisas estão indo bem com você e Cristina (Mónika Sánchez)?” o padre pergunta. “Bem não” ele responde. “Você fez algo ruim?” Perguntará o sacerdote. José  fica horrorizado, “Não, claro que não!” ele jura.

Acontece que é porque Vitória é uma mulher tão boa, generosa e gentil que há problemas. José Ângelo está bem ciente de que Cristina é sua esposa, ele sabe sobre a coisa “até que a morte nos separe”, e ele ama sua esposa e quer fazer a coisa certa. Ele diz ao padre que Vitória tem se dedicado ao marido, mas, mesmo assim, aconteceram coisas que deixaram Cristina com ciúmes e agora ela quer se separar. O padre diz que José Ângelo terá que encontrar uma maneira de raciocinar com Cristina.

Ele então pede ajuda. José Ângelo diz que precisa saber como controlar seus sentimentos, que ele não entende. Ele não quer sentir-se todo agitado e sem fôlego quando está perto de Vitória. O guarda-costas confessa ao sacerdote que tem vontade de dar um grande abraço na pátria quando ela ri ou chora. Ele se sente todo “arrepiado” quando está perto dela, ele pega fogo!”

DEIXE SEU COMENTÁRIO