Gostou? Compartilhe

Vídeo conta com performance de dança da atriz Grazi Oliveira

Unindo alternativo, pop e música brasileira, SIUL mistura em suas canções uma iniciativa espiritualista com influências de filosofia, sociologia, psicologia e física quântica. Isso se reflete em “Paraquedas”, single que antecipa o primeiro EP do projeto e que ganha um clipe.

No vídeo, dirigido pelo próprio artista, a atriz Grazi Oliveira dança de olhos vendados em uma floresta, numa metáfora sobre o processo de autoconhecimento, com seus erros e acertos, que marca a vida.

“Com elementos baseados no princípio da incerteza de Heisenberg, a música trata assuntos relacionados à forma como as pessoas estão e como elas podem estar em um outro momento no tempo-espaço, que tudo é relativo. A partir de processos de tentativas e erros, as pessoas podem ter resultados diferentes em suas vidas e encontrar novos caminhos no mundo”, explica o artista.

Alter-ego do cantor e compositor paranaense Luis Gustavo Fonseca, SIUL teve contato com a música ainda na infância, com aulas de coral na escola e posteriormente aproximação de vários instrumentos musicais. “Depois disso, tive uma passagem pela igreja católica e lá encontrei meu lugar na música. Entretanto, sempre deixei a música como um lugar de hobbie. Em 2017 voltei a fazer teatro depois de 10 anos e fui me aproximando da arte novamente”, relembra ele, que é jornalista de formação com forte trabalho dentro do audiovisual.

Esse reencontro foi um primeiro passo para que, após decidir estudar canto, retirasse as ideias da gaveta e investisse em sua carreira. “Todas as músicas procuram trabalhar temas voltados a autoconhecimento e reflexões existenciais mas com elementos modernos e com uma pegada bem contemporânea para conversar com públicos mais jovens e também trabalhar em estruturas musicais fáceis de serem consumidas pelo público”, conta SIUL.

A primeira faixa foi “O mundo vai girar”, lançada em parceria com Mara Marques, Grazi Oliveira, Allan Furtado, Juh Fragoso, Rafael Medeiros, Mima, Davi Klimiont, Rapha Ribeiro, Márcio Cruz, Leo Zaidan, Wesley Moreira e Fran Caroline em uma campanha beneficente. O lançamento realizado por artistas de Curitiba foi uma homenagem aos profissionais de saúde e foi feita para levar uma mensagem de otimismo e esperança durante a atual pandemia de Covid-19. O projeto, além da música e do videoclipe oficial, também teve o intuito de arrecadar alimentos para pessoas que precisam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.