Resumo A Usurpadora (Série): todos os capítulos 22/10 a 10/11/2021

Publicidade

O remake de “A Usurpadora” a série foi produzido em 2019 pela rede mexicana Televisa e conta com 25 capítulos. No elenco, estão os atores Andrés Palácios e Sandra Echeverría, que interpreta as irmãs gêmeas.

SBT – Com exibição às 21h30
Estreia: em outubro 2021

RESUMO DOS PRÓXIMOS EPISÓDIOS:

Episódio 09, Segunda 18 de outubro 

Acreditando estar diante de Paola, Santiago a ameaça com um revólver, exige que lhe diga onde está Gonçalo e o carregamento. Paulina tenta convencê-la de que não é Paola. Fernando chega e o desarma, mas Santiago consegue fugir. Paola assiste tudo pelo tablet e fala para Manuel que precisava ter certeza de que Paulina iria sozinha. Fernando interroga Paulina sobre Gonçalo e o carregamento que Santiago queria saber sobre o paradeiro. Paulina alega que desde o atentado que sofreu não soube mais nada de Gonçalo. Paola diz a Manuel que Teresa vai se encarregar que Santiago seja responsabilizado pelo desaparecimento de Gonçalo. Paulina comenta com Montse que Paola lhe preparou uma armadilha para matá-la. Fernando conta a Carlos que o amante de Paola é um traficante de armas. Emílio fica sabendo por uma matéria na imprensa que sua mãe não morreu em um acidente e que a causa de sua morte foi suicídio.

Episódio 10, terça 19 de outubro 

Teresa assassina Santiago. Entretanto, a discussão entre Fernando e Paulina ganha tom e tudo termina em beijo. Enquanto se desenrola todo o drama do suicídio da ex-mulher de Carlos, Manuel escuta por trás da porta de Paulina enquanto ela planeja sua viagem à Colômbia junto com Montse. Mais tarde, ele intercepta a enfermeira e avisa que seus serviços não são mais necessários. Ele imediatamente vai ver Paola e conta a ela sobre os planos de sua irmã de traí-la. Enquanto isso, na residência presidencial, Carlos recebe a boa notícia de que Emilio apareceu, a má notícia? Ele está bêbado e um vídeo dele se torna viral nas redes sociais. Por outro lado, Pedro e Fernando vão a um bar e lá, o rapaz confessa ao patrão que é gay. Isso não tem importância para o ex-agente, pois o que importa é o trabalho do jovem. Enquanto isso, Carlos confronta seu filho e se desculpa por não ter contado a ele sobre sua mãe. O jovem recusa o perdão, mais tarde, Paulina o vê chorando em uma sala. Paulina vai ver o jovem em seu quarto e apesar de ele a expulsar rudemente, ela permanece ao seu lado. No dia seguinte, Paola vai ao médico fingindo que está enlouquecendo por causa dos ataques que sofreu.

Episódio 11,  quarta 20 de outubro 

Carlos dá uma entrevista coletiva na qual, por recomendação de Clara, expõe seu filho para todo o país. Carlos vai ao médico e recomenda que fique de olho na esposa porque aparentemente ela está em crise. Por sua vez, Fernando procura investigar quem vazou a informação sobre o suicídio de Susana. Por outro lado, quando Paola recebe um telefonema de Manuel a confirmar que o seu plano está a funcionar, Carlos começa a duvidar da saúde mental da sua mulher. Isso faz com que o presidente cancele sua “viagem” pela América Latina. Quando ele dá a notícia a Paulina, ela fica louca e implora que a solte, mas ele se recusa. Mais tarde, enquanto Fernando busca informações sobre quem vazou a informação sobre o suicídio de Susana, ele vê Paola nas fitas de segurança. Lá, eles começam a suspeitar dela. Por outro lado, Diego liga para o tio para dizer que não quer mais o emprego, mas o ameaça de morte. Mais tarde, Fernando conta a Carlos o que aconteceu com Paola, o presidente conversa com o médico e depois reclama sua esposa. Ela fica muito ofendida e deixa o marido falando sozinho. Mais tarde, por recomendação do médico, Carlos decide mandar Paulina para o hospital, ele também demite Montse por não ter relatado a doença da primeira-dama. Os enfermeiros levam Paulina para o hospital psiquiátrico.

Após a cena comovente da partida de Paulina, Liss exige que seu pai a leve para ver sua mãe. Clara aconselha Carlos a não visitar sua esposa, pois eles dariam muito o que conversar. Isso faz com que o presidente peça a Fernando que vá em seu lugar. Por sua vez, Paola comemora seu triunfo e, posteriormente, Teresa a avisa que elas têm que trabalhar juntas para se livrar de sua irmã. Quando Fernando chega ao hospital, Paulina confessa quem realmente é e pede sua ajuda para salvar a mãe, mas devido às circunstâncias, o ex-agente não acredita nela.

Episódio 12, quinta 21 de outubro 

Mesmo assim, ele dá a ela o benefício da dúvida e tenta localizar Montse para lhe contar a verdade. Por outro lado, Liss está desesperada e procura Diego para pedir ajuda, o jovem já está muito arrependido de usá-la e decide terminar com ela. Mais tarde, Navas chega à casa de Montse, a enfermeira faz com que ele entenda, sem dizer tudo o que sabe, que Paulina está falando a verdade. Enquanto isso, Joana informa a Carlos que alguém (para não dizer Arlete, sua sogra) está roubando os talheres de Silver. Infelizmente, a governanta terá que pagar pelos perdidos. Mais tarde, Paola e Teresa planejam a morte de Paulina para fazer parecer que ela cometeu suicídio. Mais tarde, Carlos conversa com Emilio sobre o suicídio de sua mãe, o jovem fica chateado, mas seu pai lhe entrega uma carta que muda sua perspectiva. Por outro lado, Fernando consegue descobrir a verdadeira identidade de Paulina e vai imediatamente com Carlos. O presidente não lhe dá a oportunidade de dizer a verdade e informa que sua esposa será transferida para Houston esta noite. Enquanto isso, Molina, tio de Diego, chega com a oposição de Carlos e, em troca de dinheiro, conta que Susana, ao se suicidar, matou uma mulher inocente e o marido se dispõe a dizer que o governo o subornou. Mais tarde, Teresa e Manuel discutem o plano de matar Paulina, as coisas mudam quando a mulher informa ao irmão que também vai matar Paola. Mais tarde ele vai para o hospital para cumprir sua missão, mas não sabe que Fernando está com Paulina tentando resgatá-la.  Enquanto isso, Manuel procura desesperadamente por Paola para salvá-la. Ao chegar na casa de Gonçalo, ele tenta avisá-lo, mas ela não o escuta e quando ele tira o alarme do carro, este explode e os dois fogem.

Episódio 13, sexta 22 de outubro 

Durante o apagão na clínica mental, Fernando diz a Paulina que já sabe quem ela é. Nele, Teresa tenta entrar para cumprir sua missão, mas o ex-agente a intercepta e uma perseguição é desencadeada. No final, Teresa não consegue cumprir a sua missão e vai à procura de Manuel para o encontrar numa ambulância. Por outro lado, Carlos questiona Fernando sobre a chance de ele estar na clínica apenas no momento do apagão. Lá, o ex-agente convence o amigo a não levar a esposa para os Estados Unidos. Mais tarde, a mãe de Paulina recebe um telefonema avisando-a de que sua filha sofreu um acidente grave e que precisa se mudar para o México imediatamente. O médico se refere a Paola que no momento da explosão carregava o passaporte de sua irmã gêmea. Mais tarde, Carlos decide adiar todos os seus compromissos fora da cidade até que sua esposa esteja saudável. Mais tarde, Fernando interroga Paulina e ela confessa-lhe TUDO e diz-lhe que Manuel é cúmplice de Paola. Por outro lado, no hospital, Paola acorda e sua mãe está lá, prometendo que vai cuidar dela e que a levará para a Colômbia. A primeira-dama não diz nada, apenas ouve em silêncio. Teresa chega ao hospital onde Paola está e apaga todo o seu arquivo dos computadores. Enquanto isso, Fernando e Paulina se aproximam, compartilhando histórias na cabana onde se “aposentam”. Por outro lado, Emilio decide procurar ajuda profissional para parar de beber e uma velha amiga de Joana, a governanta, se oferece para ser seu padrinho. Enquanto isso, Paola continua em estado de choque na Colômbia. Apesar das tentativas da mãe, ela não reage. No dia seguinte, Carlos vai ver sua esposa na cabana e pede desculpas por tudo que sua posição envolveu na família. O presidente diz à esposa que está disposto a divorciar-se dela, se ela quiser. À noite, Paulina não consegue dormir e sai para a cozinha, encontra Fernando e se beijam apaixonadamente. A jovem foge imediatamente do local. Enquanto isso, Paola está com a mãe e a senhora, desesperada, começa a cantar uma canção de ninar para ela. Isso faz com que a jovem reaja e comece a chorar quando está nos braços da mãe.

Após o beijo entre Paulina e Fernando, ela flagra ele conversando com sua “amiga da polícia.” Ele explica que é simplesmente um contato que pode ajudá-lo a localizar Paola. Enquanto isso, na Colômbia, Paola não sabe como reagir com a mãe, ela simplesmente se limita a agradecer o cuidado. Por outro lado, Manuel levanta-se para procurar Paola mas Teresa não o permite, afirma que a Primeira Dama morreu e que a cremaram. Mais tarde, o Sr. Fanjul entra no escritório de Carlos e os surpreende. O homem afirma ter informações valiosas e pede que ele se livre de Clara para falar sozinho. De repente, o político garante ao presidente que tem informações que incriminam Clara e Fernando com a morte de sua esposa. Carlos resiste ao momento, mas quando descobre que outra pessoa estava com sua esposa, fica arrasado. Fanjul exige que ele aprove um projeto de construção se quiser impedir que essa informação chegue à mídia. Mais tarde, o presidente liga para seus amigos e reclama deles com raiva. Clara se oferece para renunciar naquele momento. Por outro lado, Paulina liga para Montse e pede que ele volte a trabalhar com ela. Enquanto isso, na Colômbia, Paola chantageia o médico com quem Manuel estava em conluio e ordena que ele dê a ela o número de telefone para se comunicar com o México. Quando ela liga, Teresa atende e diz que Manuel morreu. Isso deixa a primeira-dama muito má e nisso a mãe chega mais perto. Paola não aguenta mais e pergunta se a qualquer momento ele gostaria de ter outra filha, ao que a senhora diz que não. Na manhã seguinte, toda a família Bernal vai visitar Paulina e quando Fernando chega, ele a vê muito carinhosa com o marido. Enquanto a família está comendo à mesa, Liss recebe uma mensagem de Diego pedindo para ela se encontrar. Mais tarde, Diego enfrenta seu tio, que exige que ele obtenha informações da filha do presidente, caso contrário, ele deixará de pagar a escola. O romance entre Paulina e Fernando passa rápido e à noite as coisas ficam interessantes entre os dois.

Resumo dos dias 25 a 29 de outubro

Episódio 14, Segunda 25 de outubro 

Após a chantagem sofrida por Carlos pela oposição, todo o seu gabinete o questiona por ter autorizado a construção do projeto “Santa Fé”. Enquanto isso, Clara recebe uma ligação misteriosa oferecendo-lhe um emprego, agora que ela já se demitiu. O ex-coordenador da campanha concorda em pensar na proposta. Por sua vez, Carlos conversa com o médico de Paulina e pede que ele a transfira para outro lugar. Enquanto isso, Paola chantageia mais uma vez o médico que a trata na Colômbia. A primeira-dama ordena que ele a declare muito doente para que ela possa escapar. Enquanto isso, Paulina agradece ao Fernando por toda a atenção. O ex-agente lhe empresta um telefone celular e ela liga para a mãe. Para sua surpresa, Paola atende o telefone. Isso destrói a jovem que afirma que sua irmã usurpou seu lugar. Por outro lado, Paola aproveita sua visita à Colômbia e interroga sua mãe, mas a mulher fica muito doente e não lhe diz nada sobre sua origem. Enquanto isso, no México, Paulina retorna à casa presidencial e a primeira coisa que faz é pedir a Montse que volte a trabalhar com ela. Mais tarde, Diego visita Liss e pede que ela o perdoe e lhe dê outra chance. Enquanto isso, as gêmeas tentam extrair informações de suas respectivas mães, mas aparentemente nenhuma delas tem sucesso. Por outro lado, Clara e Carlos se encontram e o presidente implora à amante que volte, apenas no âmbito profissional. Enquanto isso, Paulina e Montse planejam a viagem da jovem à Colômbia. Com isso, Emilio interrompe e os dois fazem as pazes. Por sua vez, Paola decide voltar ao México e pede ao namorado de Paulina que a acompanhe para “protegê-la”. Mais tarde, Paulina recebe um telefonema de Fernando avisando que descobriu o tipo de sangue de Paola e que é o mesmo. Isso confirma as suspeitas de Paulina de que ela tem uma irmã gêmea. Enquanto isso, Paola e sua mãe são sinceras e a senhora confessa saber que é ela, sua outra filha.

Episódio 15, terça 26 de outubro 

Depois que sua mãe a descobre, Paola pergunta por que ela a abandonou. A senhora confessa que nasceu muito doente e por isso teve que ser entregue para adoção. Ele também confessa que dedicou toda a sua vida a procurá-la, mas ninguém queria apoiá-lo. Por sua vez, Paola confessa que é esposa do presidente do México e pede que ela guarde um pouco mais de segredo antes de procurar Paulina. Mais tarde, ela decide dormir com o namorado da irmã, Wilson e também confessa quem ela realmente é. Paola esclarece que a hipocrisia acabou e pede que ele não diga Paulina de novo. Entretanto, Clara fala com Fernando sobre o que sente por Carlos e confessa que se envolveu cada vez mais e sobretudo com Emílio. À noite, Manuel interrompe um jantar em família na residência presidencial, garantindo a todos que está de volta. Paulina pede que ele se comunique com urgência com sua irmã, mas o homem se recusa. Mais tarde, a Mulher vai até o Presidente e informa que vai para a Colômbia. Mais tarde, Fernando liga para Paulina e entre coisas românticas, Carlos interrompe a conversa e fica com ciúmes. Mesmo assim, ele informa à esposa que o médico autorizou sua viagem. Por outro lado, Emilio vai pedir reportagens a uma escola de música e aí conhece uma jovem que o deixa impressionado. Em seguida, eles saem para um drink, que testa o jovem com sua intenção de parar de beber. Enquanto isso, Pascual, o chefe de segurança da Presidência, quer revisar os vídeos de segurança de Navas, mas o ex-agente parece mais habilidoso e ordena que sejam apagados para evitar que Paulina seja descoberta. Obviamente, Carlos começa a suspeitar de seu amigo. Então ele o confronta e exige que ele traia sua confiança. Ele também bate nele e exige que ele conte o que aconteceu entre eles na fazenda. Fernando não diz nada, mas perde o amigo. À noite, o embaixador dos Estados Unidos chega à residência presidencial para um jantar e Liss convida um amigo para sair com eles. Mais tarde, Paulina ouve que o jovem pedante só quer dormir com a menina. A primeira-dama imediatamente conta à filha o que aconteceu e a salva da humilhação pública. Antes de dormir, Carlos surpreende Paulina que vai viajar com ela para a Colômbia.

Episódio 16, quarta 27 de outubro 

Após a cena de ciúme de Fernando, Carlos propõe a Paulina que a acompanhe até a Colômbia. No início, ela recusa, mas o marido faz com que ela veja que a ama e quer uma chance de tê-la de volta, então ela acaba concordando. Carlos pede permissão para dormir com ela e os dois passam a noite juntos. Por outro lado, Paola briga com a mãe porque ela lhe faz muitas perguntas. Por outro lado, ele ameaça Wilson de expô-lo se ele não fizer o que ela manda. No dia seguinte, chega a hora da viagem e Paulina está extremamente preocupada em como Fernando vai receber a notícia. Quando eles ligam para ele, ele fica preocupado, mas eles decidem continuar com o plano. Por outro lado, Manuel descobre que a primeira-dama vai viajar mas ninguém quer dizer-lhe o destino. Mais tarde, ele ouve Arlete dizer que está indo para Bogotá. Ele imediatamente liga para Teresa e ela manda que ele saia de lá porque eles têm que sair do país. Manuel decide ligar para o Dr. Restrepo, na Colômbia, para cuidar de Paulina.
Enquanto isso, Paola vê as fotos de Paulina com o marido e tem um acesso de raiva. A mulher começa a destruir tudo, mas sua mãe a impede e a faz ver a razão. Mais tarde, Montserrat traz uma carta para a mãe de Paulina para que ela possa se encontrar com ela. Por outro lado, Paola e Wilson pegam todo o dinheiro da fundação de Paulina para voltar ao México e levar uma vida boa. Mais tarde, quando Paulina vê sua mãe, ela a questiona sobre o que aconteceu com sua irmã. A primeira-dama avisa para ter cuidado, pois sua irmã queria matá-la. Dona Olga não acredita no que ouve e implora a Paulina que a deixe tentar resgatar Paola, apesar de todos os males que cometeu. Mais tarde, o Dr. Restrepo encontra Paola e dá a ela o número de telefone de Manuel para que ela possa contatá-lo. Ao se comunicar com seu amigo, ele o avisa que sua irmã está em Bogotá e Paola tenta fugir. Felizmente, Fernando a vê e a intercepta.

Episódio 17, quinta 28 de outubro 

Enquanto Paulina tenta explicar à mãe o tipo de mulher que Paola é, ela luta com Fernando até entrar em um quarto de hotel. Uma vez lá, Paola lê nos olhos do ex-agente e percebe que ele está apaixonado por sua irmã. Por sua vez, a mãe das gêmeas pede a Paulina que dê a Paola mais alguns dias para que possam se conhecer e constituir família. Por outro lado, na residência presidencial, bate-papo Liss e Diego, o jovem consegue fazer com que ela lhe envie fotos de cueca. Ele os salva em seu computador e pede à namorada que os exclua. Nela, seu tio recebe mensagens que o deixam furioso. Enquanto isso, Clara liga para seu ex-amante para informá-lo que a construção de “Santa Fé” é uma obra muito perigosa que custará muitas vidas. Mais tarde, Paulina e a mãe chegam ao hotel onde Fernando algema Paola. A primeira-dama manipula sua mãe e tira suas algemas. Depois, os três ficam sozinhos e a mãe pede que se reconciliem. A senhora se recusa a aceitar a realidade e leva Paola embora, Paulina concorda em continuar vivendo aquela farsa por mais algum tempo. Fernando explode e aponta uma arma para a mulher, mas sua mãe atrapalha. Mais tarde, Paulina encontra Carlos em um bar. Os dois bebem demais e passam a noite juntos. No dia seguinte, Tina vem visitar a mãe de Paola e a senhora confessa que está muito doente e que logo vai morrer. Ele também diz a ela que tudo que ele quer é que suas filhas se reconciliem. Enquanto isso, no México, as fotos que Liss enviou a Diego aparecem em uma revista para jovens. Isso parte o coração da jovem que lamenta ter concordado em ser sua namorada. Essa notícia faz com que Carlos e Paulina avancem em seu retorno ao México. Enquanto isso, Manuel chega para procurar Paola e se instala em sua casa.

Episódio 18, sexta 29 de outubro 

Após a publicação das fotos de Liss, a jovem tenta se matar tomando comprimidos. Paulina aproveita para que Paola volte ao seu lugar, mas como não consegue localizá-la, ela se enreda em sua mentira e retorna ao México com Carlos. Enquanto isso, Paola chega bêbada na casa da mãe e lá conhece Manuel. Mais tarde, enquanto conversava com seu aliado, ela recebe um telefonema de Ernestina dizendo que sua mãe caiu. A mulher vai e cura a mãe, mas Olga não conta que ela desmaiou por causa da doença. Por outro lado, Fernando captura Manuel e o espanca. Lá está ele, quando Irene o chama para pedir que volte imediatamente, já que lhe indicaram o caso da explosão na casa de Gonçalo e ele vai apoiá-la. Navas decide levar Manuel de volta para o México com ele. Dias depois, Paulina consola Liss pelo ocorrido. Enquanto isso, Olga fica chateada e a única coisa que pede a Paola é que se deite em seus braços para mimá-la. Por outro lado, Carlos visita a construção de Santa Fé e revoga todas as licenças, arriscando sua carreira. Mais tarde, Paulina procura Diego e lhe dá um tapa nas fotos de Liss. Ela também o avisa que ela nunca mais quer vê-lo perto dela novamente. Enquanto isso, Ernestina avisa Paola sobre a doença de Olga e pede que ela avise Paulina que sua mãe está em fase final. Mais tarde, a senhora falece e a última coisa que consegue dizer a Paola é que Paulina é o seu grande amor.

Resumo dos dias 01 a 05 de novembro

Episódio 19, Segunda 01 de novembro

Depois de ouvir as últimas palavras de sua mãe, Paola explode de raiva e quebra o que está na sala. Enquanto isso, Paulina desmaia de um mau pressentimento, mas quando liga para Olga, não recebe resposta. Por outro lado, Pascual conversa seriamente com Carlos desde que descobriu que Molina (o gerente de TI) é tio de Diego, pretendente de Liss. Também comentam que é importante trazer Pedro de volta para investigar Fernando. Enquanto isso, Paola se desfaz dos bens da mãe e finge que Paulina está a caminho. No entanto, ele não pretende esperar por ela para o funeral de Olga. Mais tarde, ela liga para Manuel para evitar que Paulina descubra sobre a morte de sua mãe. Mais tarde, Fernando chega com Irene na casa de Gonzalo e eles começam a investigar. Quando começam a vasculhar o jardim, recuperam um corpo. Acontece que ele é o atirador que tentou matar Paulina, que está desaparecida há alguns meses. Pedro diz a Fernando que a descrição feita pela mãe dessa pessoa se encaixa perfeitamente na de Manuel. Informa também que o anda investigando e que descobriu que mora com uma mulher (Teresa). Ambos começam a planejar como derrubar o “assistente”. Enquanto isso, Manuel pede a Teresa que encontre um apartamento para que Paola volte e fique tranquila. Mais tarde, Pedro pede a Pascual a primeira missão na casa presidencial: investigar Molina para descobrir suas verdadeiras intenções. No dia seguinte, Emilio volta às drogas e ao álcool graças à influência de seus amigos. A situação fica tão ruim que ele chama seu novo amigo para vir buscá-lo. No caminho, a jovem se sente mal e fica no meio da rua. Enquanto isso, na Colômbia, Tina, amiga de Olga, consegue o telefone de Paulina e tenta localizá-la para contar o que está acontecendo.

Episódio 20, terça 02 de novembro

Depois de ficar preso na estrada, Emilio fica inconsciente enquanto sua namorada desmaia. Ao acordar, o jovem percebe que ela não reage e imediatamente pede ajuda. Ao saber da situação, Carlos e Paulina vão direto para o hospital onde são informados de que Emilio está totalmente bêbado e que encontraram cocaína em seu organismo. Eles também são informados de que Feru, a jovem com quem ele estava viajando, está em estado grave de peritonite. O presidente repreende fortemente o filho e Paulina o defende. Por outro lado, Wilson impede que Ernestina se comunique com Paulina e a ameaça de morte. Mais tarde, ele e Paola se preparam para voar para o México. Uma vez no aeroporto, o casal não tem acesso à sala VIP, na qual um cavalheiro bonito e rico oferece companhia a Paola e ela dispensa Wilson sem explicá-lo. Enquanto isso, Manuel sai de casa calmamente quando uma forte operação chega e é detida. Já na prisão, o homem consegue subornar o policial que quer interrogá-lo e lhe dá todas as informações sobre o motivo de sua presença. Ele também empresta seu telefone celular e liga para Teresa pedindo sua ajuda. Mais tarde, Molina procura Pedro para chantageá-lo a dizer ao chefe que ele é gay. Por outro lado, na prisão, a senhora que ia testemunhar contra Manuel falsifica o depoimento, pois Teresa a ameaça de matar a sua neta se ela abrir a boca. Isso obriga Fernando a soltar o homem e ele se enche de coragem. Mais tarde, Paola liga para a irmã para se verem e poderem “conversar”. Ao chegar à reunião, Paola dá a notícia à irmã de que sua mãe havia morrido. Paulina dá um tapa nela, mas Paola garante à irmã que tudo que ela quer é que elas fiquem juntas.

Episódio 21, quarta 03 de novembro

Ao saber da morte da mãe, Paulina ataca Paola, que garante que ela não teve nada a ver com o que aconteceu. Além disso, a gêmea do mal aproveita a oportunidade para pedir-lhe que cumpra a promessa que fizeram à mãe: de ficarem juntos. Paulina dá um voto de confiança à irmã e elas concordam em se ver mais tarde. Entretanto, Fernando pede a Carlos que cuide de Manuel, pois suspeita que foi ele quem planeou e executou os ataques. Por isso, Carlos manda Pascual parar de trabalhar para Manuel por um tempo em que tudo fique claro. Ao sair daquela reunião, Fernando encontra Paulina e ela conta o ocorrido. Imediatamente, o ex-agente suspeita de Paola. Mais tarde, Fernando vai com o amigo que está na polícia e começam a investigar na vizinhança os negócios sujos de Manuel. Lá encontram o criminoso que comprou os explosivos para o ataque à casa de Gonçalo Santamarina e ele confessa que foi Teresa quem os pediu. Por outro lado, Paulina confessa tudo a Carlos, mas ele não acredita e pensa que está em crise de novo. O colombiano pede que ele converse com Fernando e corrobore o que ela diz. Carlos faz assim e seu amigo lhe confessa toda a verdade. Depois, o presidente conversa com a Usurpadora e pede que ela marque um encontro com Paola. Chega a hora da verdade e o trio amoroso se encontra em um museu. Paulina sai e Carlos conversa com a esposa, depois de uma discussão, o presidente confessa que se apaixonou pela irmã. Paola, com ciúmes, conta a ele que Paulina tem um relacionamento com Navas. Ao voltar para casa, Carlos conversa com Paulina e promete que sempre a protegerá, mesmo que isso lhe custe a presidência. Lá, ele confessa que a ama

Episódio 22, quinta 04 de novembro

Depois de declarar seu amor por Paulina, Carlos percebe que ela não sente o mesmo. Ele imediatamente pergunta se ela ama Fernando, mas a colombiana nem sabe mais quem ela é. Depois, ele pede que ela não faça nada contra a irmã e a submeta a tratamento psiquiátrico. Mais tarde, Pedro e o namorado brigam, pois ele não foi capaz de contar ao pai sobre suas preferências sexuais. Entretanto, Pascual informa Manuel que não vai mais trabalhar na presidência e, apesar dos seus apelos, um agente o acompanha para recolher os seus pertences. Por outro lado, Carlos e Fernando encontram-se para falar de Manuel. Posteriormente, o ex-agente informa ao presidente que está prestes a prender Paola. Carlos pede ao amigo que não o faça já que Paulina pediu para ele cuidar de sua irmã. Isso faz com que se confrontem, pois Fernando garante ao amigo que está ali para cuidar de Paulina, pede-lhe que não se envolva na relação. Mais tarde, ele vai procurar sua amada e a mãe de Carlos os vê se beijando no elevador. Por outro lado, Montse pergunta a Paulina com quem ela vai ficar. A jovem não sabe o que responder e garante que os dois são muito diferentes. Enquanto isso, Wilson leva Arlete com Paola e ela confessa que sua irmã gêmea é quem está tomando seu lugar. A gêmea malvada pede ajuda à sua “mãe” em troca de uma grande quantia em dinheiro. Enquanto isso, Pascual cita Pedro e aí, o jovem lhe informa a verdade sobre Molina e Diego, ele confessa que escondeu a informação já que o chefe dos sistemas ameaçou divulgar que ele é homossexual. Mais tarde, Molina confessa tudo e Liss concorda em falar com Diego, mas apenas para lhe dizer que não vai mais confiar nele. Mais tarde, Wilson concorda em encontrar Paulina e tenta armar uma armadilha para ela, um homem encapuzado chega e sequestra a jovem atirando em seu companheiro.

Episódio 23, sexta 05 de novembro

Depois do sequestro de Paulina, a notícia chega à presidência e cria um grande caos. Todos começam a procurá-la e Carlos liga para o Fernando, quando o ex-agente descobre que o seu amor desapareceu, procura Manuel. Enquanto isso, Manuel amarra Paulina em uma esteira. A jovem implora por sua vida, mas o homem é leal a Paola. Mais tarde, Fernando recebe um telefonema avisando que eles podem ter encontrado uma pista. Quando chegam ao local, descobre-se que se trata de uma armadilha, porém lá recebem outra pista. Por outro lado, no teatro, Paola consegue ver a irmã e torturá-la, dizendo que sua mãe não pensou nela antes de morrer. Ele também afirma que sua vida foi roubada e aponta uma arma para ele. Antes que eu pudesse atirar, Teresa chega e eles são feitos de palavras. Imediatamente depois, Navas e seus homens chegam ao teatro, mas não encontram nada além do tapete vazio com uma grande mancha de sangue. Ao sair em busca, Fernando encontra Paulina sentada em uma escada, a mulher garante que Teresa matou Paola. Posteriormente, Paulina é recebida por sua família em casa e todos ficam muito felizes em vê-la. Em seguida, eles a deixam sozinha em seu quarto e ela tira uma peruca para mostrar que é Paola. Nisso, Arlete chega para comemorar com sua filha e ambas discutem seu plano de esvaziar as contas bancárias e fugir. Por sua vez, Paulina está viva, mas Teresa a sequestra e quer pedir um resgate milionário para poder fugir junto com seus capangas. Manuel não está com ela, continua fiel a Paola, que exige que ele encontre a irmã para terminar de uma vez por todas. Mais tarde, Montse entra no quarto de Paola e ela grita com ele, tirando-a de lá, fica ainda mais confusa quando Arlete chega com gelo e álcool. Mais tarde, a enfermeira arma uma armadilha para ela e ali, ela confirma que é Paola.

Resumo dos dias 08 a 09 de novembro

Episódio 24, Segunda 08 de novembro

Montse deixa desesperadamente a residência presidencial e tenta se comunicar com Navas para lhe contar o que está acontecendo. Enquanto isso, Paola fica furiosa porque não consegue transferir o dinheiro e precisa ir ao banco pessoalmente. Para isso, tente convencer Liss a ir às compras. Mais tarde, ele fala com Manuel para lhe dizer que deu permissão a Montse para ir com seu filho. Nisso, Manuel garante-lhe que a enfermeira não tem filhos e isso a deixa histérica. Paola tenta desesperadamente obter o endereço de Montse e manda Manuel para acabar com ela. O homem localiza a enfermeira e a ameaça até que, em desespero, ele atira nela. Enquanto isso, Paulina tenta convencer seus captores a libertá-la e oferece a eles uma grande soma de dinheiro para deixá-la ir. Todos eles se recusam, mas um é tentado e aceita o acordo. Mais tarde, Teresa e Manuel se encontram apenas para discutir e se despedir para sempre. Por outro lado, Joana diz a Piedade que suspeita que Paola mudou novamente. Arlete ouve tudo atrás da porta e pede que sua filha se apresse, pois todos suspeitam dela. Mais tarde, e ainda por cima, Fernando vem falar com a amante e confessa que vão confirmar o assassinato de Gonçalo. Isso perturba muito a primeira-dama. Enquanto se fazem as análises da cena do teatro, Fernando percebe que Paola não está morta. Por outro lado, Paulina consegue escapar com a ajuda de um dos homens de Teresa, infelizmente a mulher os encontra e mata o traidor. Mais tarde, Fernando vai à casa de Montse, mas a encontra morta. Ao dar a notícia a Paola, ela finge que se importa, mas Fernando percebe que algo estranho está acontecendo ali. Paola recebe Carlos e garante que sua amiga Navas ainda está procurando por ela, apesar de suas rejeições. Carlos quer reivindicá-lo imediatamente, mas Paola sugere que ele o remova permanentemente da investigação.

Episódio 25, terça 09 de novembro

Piedade confessa ao filho que suspeita que Paola esteja de volta, nessa, Fernando liga para o amigo para lhe dizer o mesmo. Enquanto isso, Paola e sua mãe fogem de táxi. Ao chegar em seu apartamento, Manuel está conversando com um dos homens de Teresa. Paola vê isso como uma oportunidade de encontrar sua irmã, mas seu plano falha. Por outro lado, Pedro liga para Osvaldo para dizer que o ama e que já conversou com Pascual, porém ele ainda não contou ao pai e isso incomoda o namorado. Mais tarde, Teresa conversa com Carlos e pede cinco milhões de dólares em troca de Paulina, Fernando e Pascual decidem rastrear a ligação e vão em busca de Paulina. Ao chegar ao local, Teresa percebe que foram descobertos e se sente acuada. Ele decide ligar para Carlos e exige que façam uma troca pessoal. Apesar da recusa de Fernando, o presidente vai atrás da esposa. No momento do resgate, tudo sai de controle e eles matam todos os homens de Teresa, a mulher atira em Carlos e Paulina, mas Baca se persigna e se machuca. Mais tarde, Paulina confessa a verdade para Liss e Emilio, a garota fica furiosa e grita que os odeia.
Mais tarde, Paulina tenta falar com Liss, mas ela a rejeita e garante que ela é um monstro. A jovem sai da sala batendo a porta. Mais tarde, Paola, desesperada, vai procurar Camilo, o homem que conheceu no aeroporto. Ao tentar seduzi-lo, uma mulher madura a faz perceber que esse Camilo é um homem faminto que ela apóia. No dia seguinte, Manuel chega com a notícia do ocorrido com Teresa, Arlete sugere a Paola que ela use Liss para fugir do país. Imediatamente, a mulher má liga para a filha para fazer uma lavagem cerebral e fala mal de Paulina. Ambas concordam em se ver mais tarde.

Episódio 26, quarta 10 de novembro

Final da série:

Após o resgate de Paulina, Paola fica desesperada e encontra Liss que por meio de mentiras escapa de casa. Lá, ele pede ajuda à filha para escapar, mas a garota se recusa. Depois disso, Arlete entra em cena e conta a história da adoção de sua mãe. Isso amolece o coração de Liss e ele concorda em ir com ela. Enquanto isso, Paulina visita Fernando no hospital e agradece por tudo o que ele fez por ela. Ela também diz a ele que decidiu ficar com Carlos. O agente confessa seu amor e ambos se despedem daquele relacionamento platônico que existia. Mais tarde, Paola liga para Paulina para exigir que ela traga uma caixa cheia de joias e roupas, e também que ela deixe a família em paz. Tudo isso com a ameaça de matar a própria filha se ela não obedecer. Mais tarde, Paulina conversa com Carlos e se despede dele para sempre. Mais tarde, ele vai ao local combinado e, entretanto, Fernando chega para procurar a gémea do mal no apartamento dela. Lá, ela encontra Liss e a faz ver que sua mãe a usou. Durante o encontro entre as irmãs, Paulina implora a Paola que entregue Liss para ela, mas evidentemente ela não a tem. Nesta aparece Manuel e a gêmea malvada aponta uma arma para sua irmã. Quando vai atirar, Fernando aparece e atira, mas Manuel atrapalha. Ao ser encurralada pelos agentes, Paola se atira de onde está deixando todos em estado de choque. Antes de cair no chão, a “Primeira Dama” se despede com a frase ““Roubaram a minha vida, mas a morte é minha”.

O tempo passa e é hora de Emilio ir para Berklee, Carlos renuncia à presidência e Gema assume seu lugar. As Forças Armadas do país recompensam Fernando por sua bravura e Pascual o recebe de volta ao trabalho. No evento, Osvaldo e Pedro se encontram e ele toma coragem e enfrenta o pai, dando ao companheiro o lugar certo. Mais tarde, vemos Arlete jogando dominó e apostando tudo o que tem na prisão. A família Bernal se despede da residência presidencial para recomeçar e procurar seu próprio lugar. Fim.

* Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeito à alteração de acordo com a edição das novelas

Sinopse:

Foto/Televisa

Paola Miranda, a Primeira-dama do mexico, está em um casamento infeliz com Carlos, o Presidente. No início do programa, ela descobre que é adotada e tem uma irmã gêmea; embora ela se ressinta do gêmeo que ela acredita ter feito sua mãe a repudiar, Paola vê uma oportunidade de escapar de sua vida e a procura. Paola planeja puxar um Príncipe e o mendigo trocar com sua irmã gêmea recém-descoberta, Paulina Doria, para ocupar o lugar de primeira-dama em Dia da Independência, e então matá-la. Com sua identidade (e a gêmea que ela despreza) morta, Paola poderia fugir com seu amante Gonzalo.

Paulina tem sede na capital de Colômbia, Bogotá, administrando um orfanato e cuidando de sua mãe idosa, Olga. Ela recebe misteriosamente grandes doações de um benfeitor mexicano para induzi-la a viajar para lá. Ela é sequestrada por Paola, que ameaça assassinar Olga para chantagear Paulina a assumir sua identidade por duas semanas. Paulina aceita o papel e se torna a “usurpadora”, mudando-se para Los Pinos, o palácio presidencial.

Durante as comemorações da Independência, Paulina leva um tiro. No entanto, não só ela vive, mas o Centro Nacional de Inteligência abre uma investigação sobre o tiroteio, pensando que o presidente era o verdadeiro alvo. O próprio presidente também contrata um detetive particular, o ex-agente Facundo Nava, para investigar. Paola já fugiu com Gonzalo para Bora Bora; ela ainda não está satisfeita e o mata lá, voltando para a Cidade do México para cobrir seus rastros.

Enquanto isso, Paulina assume seu novo papel, descobrindo que seu novo público é a oportunidade perfeita para se engajar no ativismo social. Paola não se impressiona com a usurpação total de sua vida pelo gêmeo que ela odeia e tenta matá-la novamente usando um amigo de Gonzalo, Manuel, que disse que mataria por ela. Facundo quase é atingido na tentativa e começa a trabalhar diretamente com Paulina para encontrar o novo atacante. Paulina volta à Colômbia para se certificar de que sua mãe ainda está viva, confiando em Facundo para descobrir tudo. Paola tenta retornar ao seu papel e, já que as duas semanas se passaram, pede que Paulina desista da vida que passou a amar.

Paulina não está disposta a sacrificar sua posição de influência social pela caridade e começa seu próprio esquema: agindo como louca para se comprometer e usando a história real para receber um diagnóstico de transtorno de personalidade múltipla. Paola tenta mais uma vez matá-la, mas é atacada por engano pela irmã de Manuel, Teresa, que deveria estar ajudando-a. Facundo tira Paulina do hospital e a leva para o campo; Paola é levada para a Colômbia após ser identificada erroneamente como sua irmã após o ataque, e sua confusão foi considerada estresse pós-traumático.

Olga percebe quem Paola realmente é ao mesmo tempo em que Paulina é devolvida a Los Pinos pelo Facundo dizendo que está curada. Paulina convence Carlos de que não é louca e o faz viajar para a Colômbia com ela para conhecer Olga. Paola, Paulina e Olga chegam a um acordo de que as gêmeas vão continuar trocando de vida por mais um tempo, para que Olga tenha um tempo para conhecer Paola. Poucos dias depois, porém, ela morre, com Paola voltando decididamente para o México.

Siga o Atitude E Visão nas redes sociais:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Post Relacionados

Útimas Noticias

Resumo Páginas da Vida: próximos capítulos no Canal VIVA

Exibida originalmente em 2006, Páginas da Vida, de Manoel Carlos estreia no Canal VIVA. A trama protagonizada por Regina Duarte conta com 203 capítulos....
Você não pode copiar o conteúdo desta página