Gostou? Compartilhe

Uma história sobre relações familiares, em que a protagonista se vê dividida entre um casamento sólido e o desejo de viver uma nova paixão. Assim é ‘Mulheres Apaixonadas’, novela que da Rede Globo que volta a ser exibida a partir desta segunda-feira, dia 24 de agosto, no ‘VIVA’ substituindo O Clone. Escrita por Manoel Carlos, em sua quinta parceria com o diretor de núcleo Ricardo Waddington, a obra foi exibida originalmente em 2003, alcançando grande sucesso de audiência.

Mulheres Apaixonadas conta a história de Helena (Christiane Torloni), que após muitos anos de união com o músico Téo (Tony Ramos), começa a questionar se é feliz em seu casamento. Helena tem uma vida regrada, vive um relacionamento bom e estável com Téo, sem grandes brigas, mas também sem muita paixão. Eles têm um filho, chamado Lucas (Victor Hugo). Helena é professora de História e trabalha como diretora na Escola Ribeiro Alves (ERA), propriedade de seu marido e da sua cunhada Lorena (Suzana Vieira). Téo é saxofonista de uma banda de jazz, que tem como crooner a amiga Pérola (Elisa Lucinda), com quem no passado teve uma filha, Luciana (Camila Pitanga), estudante de medicina. Pérola casou-se com o músico Ataulfo (Laércio de Freitas), também da banda de Téo, e com ele teve Jairo (Diego Gonçalves). Todos se relacionam como uma grande família.

O ponto crucial para as incertezas de Helena é a volta de César (Jose Mayer) a sua vida. Quando conheceu Téo, Helena deixou seu namorado, César, para se casar com o músico. Desde então, não o reencontrou mais. No primeiro capítulo de Mulheres Apaixonadas, Helena recebe a notícia de que César está morando no Rio de Janeiro e que ficou viúvo. Ela também descobre que ele é neurocirurgião na Clínica Dr. Ângelo Moretti, onde Luciana (Camila Pitanga) trabalha e que sua filha, Marcinha (Pitty Webo), é aluna da ERA. Helena fica confusa com a novidade e passa a questionar ainda mais seu relacionamento com Téo.

“A novela tem o amor como tema, já que a Mulher e o Amor são duas das muitas molas do mundo”, explica Manoel Carlos, cuja obra se destacou também pela abordagem de temas relevantes para a sociedade, como os direitos da terceira idade, a violência contra a mulher, o desarmamento, o preconceito e o câncer de mama. Também estão na novela Alinne Moraes, Bruna Marquezine, Camila Pitanga, Carmem Silva, Carolina Kasting, Cláudio Marzo, Elisa Lucinda, Helena Ranaldi, Julia Almeida, Louzadinha, Marcos Caruso, Natália do Vale, Regiane Alves, Rodrigo Santoro, Vera Holtz e Xuxa Lopes, entre outros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.